24.2.05

sousamelo 003a

8 comentários:

rita disse...

Oi catarina! E a todo o Rotas!
Já não vinha aqui à algum tempo! E ao dar uma vista de fiquei espantada omigo própria! Já não vou aí à alguns anos! E ainda me lembro de tanta coisa!!!
Rua de Pedro Homem, o Mário Roberto e TU!!
Sabes que tenho já vários pedidos de presépios!! Fazem fora da época? Podem-me enviar?
BEIJOCA GRANDE.

dinorah disse...

olá Catarina!
Sim, realmente esses são alguns pontos turísticos da ilha! A rua de Pedro Homem e o Mário Roberto! hehehe
Tive o prazer de o conhecer, assim como essa rua e a ti própria!
muitos, muitos beijinhos!

MRob disse...

Essa gargalhadinha mefistofélica depois do meu nome não me agrada nada...

dinorah disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
dinorah disse...

olá mrob! Essa foi só para me vingar do dia em que me conheceste e rapidamente me encheste de uma panóplia de pseudo-elogios semelhantes a: "Que óptimas caricaturas faria de ti, de tão feia que és!!"

Achas isso bem??

E a verdade é que ainda hoje, passados alguns anos, me divirto imenso a contar esta história!! E não fiquei minimamente traumatizada com isso!! Sou mesmo "muita" gira!!

dinorah (irmã do Augusto e filha da Maria Antónia)

MRob disse...

Aaaaaah! Fiquei boquiaberto. Não fazia ideia de quem fosse essa misteriosa Dinorah. Está tudo bem? És mesmo muito gira. Quanto ao nosso encontro, esquece. Quando disse aquilo, foi apenas uma forma um tanto arrevesada de te dizer que eras muito gira. Eu tenho olhos na cara.
Estiveste no Rotas mas quando? Vê se voltas.
Beijinho

MRob disse...

Dinorah, descobri também que tens um blog( que engraçado, o título é parecido com o dum livro de contos que publiquei há uns anos, (A)casos da Alma). Vou incluir o teu blog nos meus links, tanto neste blog, Rotas, como no outro que eu alimento, o www.Entramula.blogspot.com

kate disse...

mais uma vez obrigada e como é bom saber noticias vossas e da minha cidade do coração Aveiro!!!
Fazemos presepios fora de epoca!!!São intemporais,acho!
Beijinho